sábado, 12 de novembro de 2011

Thiabena 10 Mg Pomada 15 G - Thiaben

Use os links abaixo para mais informações do medicamento

Thiabena 10 Mg Pomada 15 G
Ofertas do produto: www.maispreco.com/thiabena-10-mg-pomada-15-g/1661/remedios.do
Outras apresentações: www.maispreco.com/remedios/thiabena.do
Laboratório: www.maispreco.com/uci-farma/215/laboratorio.do

Thiaben 6 Cprs
Ofertas do produto: www.maispreco.com/thiaben-6-cprs/1659/remedios.do
Outras apresentações: www.maispreco.com/remedios/thiaben.do
Laboratório: www.maispreco.com/uci-farma/215/laboratorio.do

Thiaben Suspensão 40 Ml
Ofertas do produto: www.maispreco.com/thiaben-suspensao-40-ml/1660/remedios.do
Outras apresentações: www.maispreco.com/remedios/thiaben.do
Laboratório: www.maispreco.com/uci-farma/215/laboratorio.do



Informações
O tiabendazol, derivado benzimidazólico, apresenta atividade anti-helmíntica de amplo espectro, atingindo principalmente as parasitoses causadas por Strongyloides stercoralis, Ancylostoma brasilienses, A. caninum, Toxocara canis e T. cati.Age inibindo a enzima fumarato redutase mitocondrial e interfere na polimerização dos microtúbulos do parasita.

Indicações
Thiaben é indicado no tratamento da estrongiloidíase, da larva migrans cutânea e visceral (toxocaríase).

Contra Indicações
Em casos de hipersensibilidade ao tiabendazol ou a qualquer componente da fórmula.

Advertências
O tratamento de infestações mistas, incluindo o Ascaris lumbricoides, não érecomendado, desde que o tiabendazol pode causar a migração do verme paraoutras partes do organismo.Durante o tratamento com o tiabendazol, os reflexos do paciente podem serdiminuídos. Por isso, é necessária cautela na condução de veículos, naoperação de máquinas e outras atividades que requerem atenção.A administração do tiabendazol deve ser cautelosa em pacientes comdisfunção hepática ou renal.Não é necessária a administração de laxativos antes ou após a utilização deThiaben®.Durante o tratamento com o tiabendazol não é recomendada a ingestão debebidas alcoólicas, devido a potencialização dos efeitos do álcool.A presença de sacarose na formulação de Thiaben® SUSPENSÃO deve serconsiderada na administração do medicamento a pacientes diabéticos (200 mgde açúcar/ mL).Diagnósticos clínicos e laboratoriais específicos devem ser realizados para aidentificação do parasita e conseqüente escolha correta do fármaco para umaterapêutica eficaz da parasitose.O paciente deve ser instruído sobre os métodos de profilaxia da parasitose,como condições básicas de higiene pessoal e ambiental.

Uso Na Gravidez
Gravidez e lactação: não foram realizados estudos clínicos em mulheresgrávidas com a utilização do tiabendazol. O medicamento não deve seradministrado durante a gestação, somente sob estrito acompanhamentomédico, quando os benefícios para a mãe justificarem o potencial de risco parao feto.Não há relatos sobre a eliminação do tiabendazol no leite materno. Aadministração deve ser cautelosa e sob orientação médica se o tiabendazol forutilizado durante a lactação.

Interações Medicamentosas
Durante o tratamento comThiaben ® não devem ser ingeridas bebidas alcoólicas.

Reações Adversas
Thiaben é um fármaco bem tolerado, apresentando baixa incidência de efeitos colaterais. Geralmente, os efeitos adversos são leves e transitórios não causando a suspensão da terapia.Os efeitos adversos freqüentemente observados são náuseas, vômitos, diarréia, sonolência, vertigens, cefaléia, anorexia, xerostomia.Ocasionalmente, podem ocorrer febre, exantema, eritema multiforme (incluindo síndrome de Stevens-Johnson).Raras vezes foram relatados casos de zumbido, distúrbios visuais, leucopenia, angioedema, cristalúria, colestase intra-hepática.Devido a metabolização do tiabendazol, alguns pacientes podem eliminar a urina com um odor semelhante ao que ocorre após a ingestão de aspargos.

Posologia
A posologia-padrão recomendada de Thiaben, para adultos e crianças, é de 50 mg de tiabendazol/ kg de peso corpóreo/ dia, dividida em duas tomadas; estando a duração do tratamento dependente do tipo e intensidade da parasitose e do quadro clínico do paciente.A dose recomendada de Thiaben é a seguinte: ThiabenComprimido: EstrongiloidíaseInfestação não-disseminada: 1 comprimido para cada 10 quilos de peso corpóreo. A dose total deve ser dividida e administrada em 2 vezes ao dia (a cada 12 horas), durante 2 dias.Infestação disseminada: 1 comprimido para cada 10 quilos de peso corpóreo. A dose total deve ser dividida e administrada em 2 vezes ao dia (a cada 12 horas), durante, no mínimo, 5 dias.Larva migrans cutânea: 1 comprimido para cada 10 quilos de peso corpóreo. A dose total deve ser dividida e administrada em 2 vezes ao dia (a cada 12 horas), durante 2 dias. Se as lesões persistirem, repetir a mesma administração após 2 dias o término da primeira.Larva migrans visceral(toxocaríase): 1 comprimido para cada 10 quilos de peso corpóreo. A dose total deve ser dividida e administrada em 2 vezes ao dia (a cada 12 horas), durante 7 dias.ThiabenSuspensãoEstrongiloidíase: Infestação não-disseminada: 1 ml da suspensão para cada 1 quilo de peso corpóreo. A dose total deve ser dividida e administrada em 2 vezes ao dia (a cada 12 horas), durante 2 dias.Infestação disseminada: 1 ml da suspensão para cada 1 quilo de peso corpóreo. A dose total deve ser dividida e administrada em 2 vezes ao dia (a cada 12 horas), durante, no mínimo, 5 dias.Larva migrans cutânea: 1 ml da suspensão para cada 1 quilo de peso corpóreo. A dose total deve ser dividida e administrada em 2 vezes ao dia (a cada 12 horas), durante 2 dias. Se as lesões persistirem, repetir a mesma administração após 2 dias o término da primeira.Larva migrans visceral(toxocaríase): 1 ml da suspensão para cada 1 quilo de peso corpóreo. A dose total deve ser dividida e administrada em 2 vezes ao dia (a cada 12 horas), durante 7 dias.A dose máxima diária não deve exceder a 3g (6 comprimidos ou 60 ml da suspensão) de tiabendazol, independente do peso corpóreo.A posologia de tiabendazol para crianças com menos de 13 quilos de peso corporal não está estabelecida.Não é necessária a administração de laxantes ou purgantes antes ou após a administração de Thiaben.

Superdosagem
Os sintomas de intoxicação estão associados a distúrbios visuais e alteraçõespsíquicas.O tratamento consiste na realização de medidas usuais de esvaziamentogástrico e de controle dos sintomas.Em caso de superdose procure orientação médica imediatamente.

Características Farmacológicas
Características do fármacoO tiabendazol, derivado benzimidazólico, apresenta atividade anti-helmíntica deamplo espectro, atingindo principalmente as parasitoses causadas porStrongyloides stercoralis, Ancylostoma braziliense, A. caninum, Toxocara canise T. cati.Age inibindo a enzima fumarato redutase mitocondrial e interfere napolimerização dos microtúbulos do parasita.Após a administração oral, o tiabendazol é rapidamente absorvido pelo tratogastrintestinal, atingindo concentração sérica máxima em 1 a 2 horas.A meia-vida do tiabendazol é de, aproximadamente, 70 minutos. Apresentabiotransformação hepática, sendo metabolizado quase completamente a 5-hidroxitiabendazol, o qual é conjugado a glicuronídio ou sulfato e eliminadoprincipalmente pela urina e, 5%, pelas fezes.

Uso em grupos de risco
Devem seguir a mesma posologia indicada para adultos.

Armazenagem
Thiaben® deve ser conservado emtemperatura ambiente (entre 15 a 30o C), protegido da luz e umidade, na suaembalagem original até o término de seu uso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário